Insegurança alimentar Ameaça 250mil pessoas em Gaza

Cerca de 250 mil pessoas enfrentam uma situação de insegurança alimentar severa no norte da província de Gaza, sul de Moçambique, provocada pela escassez de chuva.

Governo Provincial de Gaza, Stela Pinto Novo Zeca, disse estarem em curso acções visando minimizar a situação, que afecta praticamente todos os distritos da zona norte da província.
Aquela governante realçou que "a falta de chuvas é o factor que causa esta situação de insegurança alimentar na província de Gaza".
O apoio às vítimas da insegurança alimentar em Gaza, normalmente conta com o apoio de parceiros internacionais, que, entretanto, este ano, tiveram que virar as suas atenções para as zonas centro e norte de Moçambique, que foram afectadas pelos ciclones Idai e Kenneth.
Um dos distritos afectados pela insegurança alimentar é o de Chigubo, onde, de acordo com o respectivo administrador, Artur Macamo, as pessoas esgotaram as suas reservas alimentares, socorrendo-se de produtos que resistem à falta de chuvas, tais como melancia e abóbora.

Deixe seu comentário